Os benefícios da entrada dos dados de telecomunicação no Cadastro Positivo

Entenda os impactos positivos desses dados para o mercado.

Humberto

Humberto Bocayuva • Comunicação

• 06min de leitura

Você já conhece o Cadastro Positivo, sabe como ele funciona e quais impactos positivos já está trazendo para o mercado brasileiro? Este banco de dados, que reúne o histórico de pagamento de consumidores e empresas, entrou em funcionamento no Brasil há mais de 2 anos e está em constante evolução. Composto antes apenas pelo histórico de crédito das Instituições Financeiras, que inclui informações de empréstimo, cheque especial, cartão de crédito, consórcio e financiamento, agora ele conta também com as informações de contas continuadas do setor de telefonia. Mas o que isso significa? Quais os benefícios? Vamos esclarecer tudo sobre o assunto neste artigo!

O principal objetivo do Cadastro Positivo é mudar a forma de realizar análise de crédito, tornando-a mais justa e completa, visto que não se baseia apenas nas informações de inadimplência, mas sim no comportamento financeiro de cada pessoa física ou jurídica. Dessa forma, as empresas realizam avaliações mais adequadas ao perfil de cada cliente. E as informações de contas continuadas, como as de telefonia, permitem uma visão mais completa do perfil de pagamento, além de incluírem no setor de crédito consumidores não bancarizados.

As informações do segmento de telecomunicação passaram a ser compartilhadas pelas principais operadoras do país e a compor o Cadastro Positivo em agosto de 2021.  Dessa forma, o banco de dados ficou ainda mais robusto com informações de pagamentos de diferentes tipos de contrato, como:

- Linhas telefônicas

- TVs por assinatura

- Planos de internet

Ou seja, agora todos os consumidores que possuem algum deste tipo de contrato ativo no modelo pós pago, passam a ter suas informações reportadas ao Cadastro Positivo de forma semanal pelas operadoras Claro, Oi, Tim, Vivo, Sky, Algar e Sercontel. Mas você deve estar se perguntando, quais os ganhos que as empresas e consumidores realmente poderão ter com tudo isso? E a resposta é: vários!

A Quod separou os principais benefícios e impactos positivos que a entrada dos dados de telecomunicação no Cadastro Positivo já está gerando no mercado:

1. A chegada dos dados de telco já incluiu mais de 10 milhões de novos consumidores no Cadastro Positivo, ou seja, são pessoas que não tinham conta em nenhuma instituição financeira ou tinham, mas não havia dados suficientes para serem reportados. Isso beneficia os consumidores, pois as empresas passam a ter  uma visão mais completa do histórico de pagamentos deles, com mais informações para avaliar se podem oferecer crédito de forma segura e assertiva, de acordo com o perfil de pagamento de cada um.

2. A união dos dados das instituições financeiras com os dados das empresas de telecomunicação gerou uma melhor qualificação do perfil dos consumidores em relação a sua capacidade de pagamento. Assimilando essas informações, é possível entender a amplitude e fidelidade do relacionamento de cada consumidor com as operadoras de telecomunicação e instituições financeiras, o perfil de busca por crédito, e assim gerar insights para uma oferta mais segura para a empresa e justa para o cliente. 

3. Além disso, houve qualificação também do perfil de inadimplentes, com a inclusão de mais de 7 milhões de consumidores que não faziam parte das instituições financeiras ou faziam e não tinham pendências com elas, mas possuem dívidas em aberto com as operadoras de telecom. Isso gerou uma melhora no processo de cobrança e nas estratégias de recuperação de dívidas para as empresas, que agora possuem uma visão mais completa do histórico de pagamentos em atraso de determinado CPF ou CNPJ com diferentes credores.

4. E os benefícios não param por aí, a utilização destes dados vai além da análise de crédito.  A Quod utiliza os dados do Cadastro Positivo para construir indicadores que auxiliam as empresas em diversos momentos do clico de vendas, como na segmentação da carteira de clientes, análise da tendência de recuperação de dívidas, definição de limites de crédito, entre outros. A chegada dos dados de telecomunicação contribuiu ainda mais para a construção e aprimoramento desses indicadores, contribuindo com mais assertividade na tomada de decisão das empresas, já que complementam a visão do comportamento dos consumidores no mercado. 

Quer saber como a Quod vem utilizando todo o poder desses dados e como ela pode ajudar sua empresa a crescer? Confira nossas soluções e entre em contato conosco!